Testamentos Internacionais

 

Primeiramente e acima de tudo, nós desejamos a você e a seus familiares, uma vida longa, como dizemos em Israel: “Até os 120!”. Mas é importante lembrar, e na cultura judaica acreditamos, que preparar um testamento é a chave para termos uma vida longa e não o contrário.

O que é um testamento?

Um testamento é a vontade de uma pessoa transformada em um documento com o intuito de que essa seja respeitada após a sua morte. São os últimos pedidos de uma pessoa e por isso devem ser honrados.

De um ponto de vista jurídico, é a forma como devem ser repartidos os bens materiais de uma pessoa de acordo com sua vontade, quaisquer que sejam. Para que essas sejam honradas, é necessário que o testamento seja um instrumento legal, feito de forma que respeita as exigências legais.

Casos em que você não precisa de um testamento:

  1. Se você planeja nunca deixar este mundo
  2. Se você não quer deixar nada para ninguém
  3. Se você não se importa com o que acontecerá com os seus bens após os 120

O significado de um testamento internacional

No Direito de Família o significado de não possuir um documento que tenha sido feito em concordância com as exigências legais, é a nulidade ou a invalidade deste documento.

Se você possuir bens em mais de um país, se você estiver considerando fazer Aliah ou emigrar, se você estiver casando pela segunda vez e quer garantir que parte de seus bens sejam destinados a seus filhos do primeiro casamento e etc. Esses são apenas alguns exemplos de casos em que você vai precisar que um testamento legal e válido seja elaborado.

Se você quiser entrar em contato com um especialista no assunto, por favor ligue e agende uma visita.

 

This post is also available in: enEnglish (Inglês) heעברית (Hebraico)